Blog Como funciona a taxa de rejeição gerada pelo Google Analytics?

Como funciona a taxa de rejeição gerada pelo Google Analytics?

Símbolo do Google Analytics

Analisar as métricas de suas páginas é algo extremamente importante para empresas e profissionais dos mais diferentes segmentos, pois é com base nestas informações que você pode identificar as melhores estratégias e corrigir os seus pontos fracos. Assim, todos os resultados de sua empresa passam, direta ou indiretamente, pela análise de seus dados.


Entre as ferramentas utilizadas para a medição e o acompanhamento destes dados, uma das mais completas e importantes é o Google Analytics, que possibilita a visualização de muitas informações sobre o seu site. Uma destas informações é a taxa de rejeição, que é uma métrica que merece mais atenção do que recebe em alguns casos, e que pode ser um importante indicativo de seu desempenho.


O que é a taxa de rejeição do Google Analytics?


O primeiro ponto para compreender melhor e saber como utilizar a taxa de rejeição do Google Analytics é saber o que, de fato, é esta taxa. De maneira simples, a taxa de rejeição mede o número de pessoas que acessa a página inicial de seu site, mas não visita nenhuma outra página dentro desta plataforma.


Ou seja, o visitante acessa o seu site e vê todas as seções, notícias, informações e conteúdos que podem ser acessados, mas não se interessa por nenhum destes links internos e fecha a sua página. Como não acessou nenhum conteúdo além da página inicial, este visitante entrará para a estatística do Google Analytics como parte da sua taxa de rejeição.


Isso pode representar um grande problema para algumas empresas, como e-commerce, ou até mesmo páginas de empresas de comunicação, que precisam que os visitantes tenham interesse em acessar seus conteúdos para conseguirem monetizar seu trabalho. Porém, em blogs, ou em páginas mais simples, nas quais o conteúdo é completamente disponibilizado na página inicial, a taxa de rejeição não chega a ser um problema tão grande.


Saiba como é calculada a taxa de rejeição do Google Analytics


Agora que você já sabe o que é a taxa de rejeição, é importante saber como é calculada e quais os níveis aceitáveis desta taxa dentro de seu site. O primeiro ponto a saber é que o cálculo desta taxa de rejeição é feito de forma percentual, com uma conta bastante simples.


Se o seu site recebe a visita de cem pessoas por dia, por exemplo, e dez destas pessoas não acessam qualquer conteúdo dentro de seu site, além da página inicial, estas pessoas são a sua taxa de rejeição. Neste exemplo, a taxa de rejeição de seu site seria de dez por cento do total de visitantes, uma conta bastante simples e fácil de ser feita.


O mais importante, no entanto, é manter o controle da taxa de rejeição, pois uma taxa muito elevada pode indicar a falta de atratividade de seus conteúdos, ou um site confuso e de difícil utilização, por exemplo. Desta forma, quanto menor for a taxa de rejeição, melhor é o desempenho de seu site, que leva as pessoas a consumirem mais conteúdo dentro de sua plataforma.


Obviamente, uma taxa de rejeição zerada é algo impossível, e esta é uma taxa com a qual todas as empresas e profissionais devem saber lidar. Assim, não se assuste se a sua taxa de rejeição parecer alta, ou menos ainda pelo simples fato de existir uma taxa de rejeição para a sua página, pois isso faz parte do trabalho cotidiano e é algo que serve como base para melhorias em seu site.


A respeito da taxa de rejeição aceitável, é difícil impor uma regra, pois este é um índice que se modifica conforme o estilo de seu site, o seu conteúdo e o número de visitantes, o que faz com que seja algo bastante personalizado para a sua página.


Entretanto, existem algumas médias que podem indicar bons resultados a respeito da taxa de rejeição de seu site. Na grande maioria dos casos, o valor desejado é de uma taxa de rejeição entre 35% e 40% ao longo de um mês, mas isso pode variar a índices mais altos, com até mesmo 70% de taxa de rejeição ainda como um índice aceitável, embora apenas para páginas que trabalhem apenas com textos e mais informações em sua página inicial.


Como diminuir a sua taxa de rejeição?


Por mais que seja um índice normal e um indicativo importante, é natural que se deseje sempre diminuir a taxa de rejeição do Google Analytics, de forma que se tenha um maior tempo de navegação dos visitantes entre suas páginas, com um consumo de mais conteúdos.


Embora isso possa gerar a impressão da necessidade de grandes mudanças, isso nem sempre é algo verdadeiro. Caso o seu site já tenha uma boa interface, que permita uma navegação agradável entre suas páginas, o segredo pode ser muito mais simples, apenas com a modificação de alguns pontos específicos.


Um exemplo disso é a interligação entre diferentes conteúdos, com links que possam levar o seu visitante diretamente a outra página, dentro de seu site, relacionada com o assunto visto até o momento. Isso faz este visitante navegar por mais páginas, ter informações mais completas e se sentir mais confortável em seu site.


Outro detalhe importante, e que muitas vezes pode ser o responsável pela sua taxa de rejeição no Google Analytics é a atualização constante de seu site. Se o visitante acessa a sua página, mas não vê nenhuma novidade logo nos primeiros segundos, a tendência é que não siga para outros conteúdos no site, mas apenas que feche esta janela.


Diferentemente, com um site sempre atualizado e com informações novas a cada visita destas pessoas, naturalmente haverá mais cliques em seus links e os visitantes passarão a acessar todas as novas informações disponibilizadas. Assim, manter a sua página sempre atualizada é um dos meios mais simples e eficazes de diminuir a sua taxa de rejeição e otimizar os seus resultados na internet.


Agora que você conhece melhor o que é e como funciona a taxa de rejeição no Google Analytics, trabalhe em seu site para que este índice seja cada vez mais baixo, e sua página possa trazer bons resultados para a sua empresa.


Para isso, ter conteúdos de qualidade é algo essencial, pois apenas com informações relevantes e que sejam realmente atrativas para o seu público esta taxa poderá ser mais bem controlada.


A melhor maneira de garantir que o seu site tenha sempre o melhor conteúdo possível é entrar em contato com a RedaWeb pelo site www.redaweb.com.br, ou pelo telefone 0800 750 5564, e conhecer todos os nossos planos de produção de conteúdo disponíveis, de forma que possa escolher aquele que mais se encaixa em suas estratégias e necessidades comerciais.


Artigos relacionados.

Ver mais artigos
guia-do-wordpress-o-que-e-como-funciona-e-como-utilizar aida-atencao-interesse-desejo-acao-o-que-e-e-como-utilizar-o-metodo-na-pratica guia-basico-sobre-marketing-digital
Whatsapp
Ligue grátis 0800 750 5564
Ligue grátis 0800 750 5564