Conheça estratégias para o seu cliente investir em inboud marketing

O marketing de conteúdo atrai leads qualificados e agrega valores enriquecedores para a marca. Contudo, muitas empresas ainda procuram razões para implementá-lo no negócio. É preciso, então, ter estratégias para seu cliente investir em Inbound Marketing, e é isso que daremos neste artigo.

Antes de partir para as dicas de como vender o Inbound Marketing, é importante que você domine totalmente o conceito. Veja abaixo.

1. Domine Inbound Marketing

Não se trata de apenas entender o conceito, é preciso dominá-lo completamente. Quando você conhece um assunto com profundidade, você sabe explicá-lo da melhor forma possível. Pense que, nesse caso, não basta fazer com que o cliente entenda o que é Inbound. Você precisa vender a ideia. Portanto, nunca é o bastante estudar o conceito, tentar entender por que os clientes rejeitam a estratégia e atacar diretamente essas desconfianças. 

Quando for explicar sobre, sempre deixe os conceitos muito claros, em linguagem simples para haver boa compreensão. Se você falar de Inbound, explique que é captação de contato de possíveis clientes. Se falar de funil de vendas, explique que é uma forma de direcionar o cliente para nosso objetivo. 

2. Tenha sempre fatos à mão

Os argumentos mais convincentes são baseados em fatos, e não apenas em teoria. E no mundo dos negócios, as empresas querem saber se haverá retorno sobre seu investimento. Portanto, é fundamental levar dados, números, estatísticas, estudos e cases para seus clientes.

A utilização de dados recentes de pesquisas não é uma estratégia em si, mas um recurso que deve apoiar sua argumentação. É importante ter material para demonstrar os ganhos, seja apresentações ou apenas infográficos no seu celular. 

Quando argumentar, sempre demonstre um fato que endossa sua posição. Por isso, procure sempre por informações atualizadas.

3. Alinhe os objetivos do cliente

Logo ao primeiro contato com o cliente, você irá conhecer seu problema e o que ele espera de resultado do marketing. Você precisa alinhar esses anseios aos benefícios concedidos pelo Marketing Inbound. 

Por exemplo, se ele deseja reestruturar seu site para receber mais visitas, demonstre como o Inbound poderá ser integrado para manter contato com os clientes por e-mail. Se o cliente quer melhorar sua presença nas redes sociais, mostre que o Inbound é um aliado para transformar esse usuário das redes sociais em lead.

4. Evidencie os benefícios para a competitividade

Grande parte das empresas não quer participar do mercado apenas para nutrir seu público. Afinal, é desconfortável apenas “participar”, e não competir à frente. O marketing oferece mecanismos justamente para se manter competitivo com os grandes do segmento. Mas por que investir a verba de marketing em Inbound e não em outro canal?

A resposta é simples: porque o Inbound é utilizado pela concorrência. Você deve demonstrar ao cliente que há público sendo captado por outros competidores, porque ele não está investindo. Uma rápida busca no Google irá comprovar seu argumento. Além disso, utilize dados que demonstram que, mesmo que sua concorrência direta não esteja ainda investindo em Inbound, ela irá começar rapidamente. Afinal, não há demanda na internet que não será suprida em breve.

5. Utilize cases

Você precisa demonstrar as empresas que tiveram sucesso com Marketing Inbound. E aqui você pode trabalhar de duas formas: com exemplos clássicos do mercado e com os próprios clientes. Pesquise por marcas do mesmo segmento, nacionais ou internacionais, que obtiveram excelente retorno e mostre para o cliente.

Caso você já esteja oferecendo Inbound para outros clientes, vale a pena fazer uma boa apresentação demonstrando o número de leads obtidos, a estratégia, o objetivo.

6. Fale da expansão da internet

Poucos notam o potencial de crescimento da internet, pois estão ocupados demais com os usuários atuais. Mas à medida que novos usuários chegam, maior o público presente na internet. E isso significa novos públicos, novas demandas para o mercado.

Tenha dados sobre os atuais usuários da internet. Um exemplo é a informação do IBGE, segundo a qual o número de domicílios com internet foi de 18% em 2008 para quase 70% em 2018. 

Ou ainda, que no primeiro semestre de 2019 o crescimento do e-commerce foi de 12%, o que representa um faturamento de 26,4 bilhões de reais.

Depois de mostrar esses dados, faça o cliente visualizar a possibilidade de explorar esse mercado. Faça-o pensar nas inúmeras possibilidades de expansão do negócio se ele ficar atento a esse crescimento.

7. Argumente em prol do custo-benefício

Há quem priorize o valor ao invés do custo-benefício, mas ainda assim não há quem rejeite o lucro sobre o investimento. Ou seja, todos querem lucrar mais por menos custo, principalmente nos negócios. 

Demonstre que tal cliente aplicou x em Inbound e obteve um retorno maior. Demonstre que o custo por aquisição de clientes diminuiu com a obtenção de marketing Inbound. 

Se você ainda não tem dados sólidos sobre clientes atuais, utilize estatísticas recentes. Por exemplo, mostre que Inbound costuma custar 50% a menos que canais tradicionais de marketing, e ainda assim obtém 100% a mais de retorno.

8. Ative o senso de urgência

Ativar o senso de urgência é demonstrar ao público que ele precisa tomar a decisão rapidamente sob o risco de não aproveitar a oferta. Empresas de varejo costumam utilizar muito essa estratégia, com promoções no estilo “é só amanhã” e “para limpar o estoque”.

Para o cliente, o senso de urgência está na demonstração que o trabalho leva para ser aplicado. Quanto mais tempo ele esperar para começar, mais tempo irá demorar para se aproximar da concorrência e disputar os leads quentes.

Aliando essa estratégia com o da competitividade, você demonstra que, se o cliente não for rápido o bastante e começar já, o competidor dele poderá “roubar” todos os potenciais clientes do seu negócio.

9. Demonstre como o consumo mudou

Provavelmente seu cliente rejeita a estratégia de Marketing Inbound porque ainda não entendeu que o consumo mudou. Ele está preso às formas antigas de vendas, quando a qualidade do produto e o preço oferecido por si só bastavam.

Hoje, contudo, o público tem muitas marcas à disposição, então esperam sempre algo a mais. Ele quer valor sobre a marca, então procuram colocar a experiência de compra acima de tudo. Os consumidores desejam se aproximar das marcas e consumir com quem estão familiarizados.

Por isso, tenha bons argumentos no sentido de demonstrar que o consumo hoje mudou. Mostre que os clientes dele gostam de consumir conteúdo e querem se relacionar com as marcas que “pensam” como eles”. Quando eles se relacionam com essas marcas, até se tornam embaixadores dela, levando sua mensagem adiante.

Caso você queira ajuda para levar a estratégia de Inbound para seu cliente, conte conosco. Acesse nosso site ou ligue 0800 750 5564 e assine um plano de produção de conteúdo.