Construir um blog corporativo no WordPress pode ser a melhor escolha

Ter um blog corporativo é essencial para criar um elo de interação entre o cliente e a empresa, por meio da publicação de conteúdos relevantes e que possam ser úteis para o usuário. Essa ação tem sido cada vez mais comum no marketing digital, pela capacidade em criar tráfego, atrair visitantes, gerar leads e torná-los clientes ativos. 

Mas, quando a empresa decide criar um blog, a dúvida é qual a plataforma mais indicada para dar suporte a ele. O WordPress é o nome mais citado entre os profissionais de marketing pelo seu sistema de gestão e pelo show de recursos que oferece, criando um blog compatível com o desejo da empresa, a estratégia de marketing e o interesse do usuário. 


Blog corporativo e a plataforma ideal

A criação de um blog corporativo se tornou referência no marketing digital como peça fundamental para a prática das estratégias definidas. O blog faz parte do Inbound Marketing, especialidade que foca em atrair o cliente naturalmente, por meio da publicação periódica de conteúdos relevantes e úteis. Há vários canais de comunicação possíveis para a publicação de conteúdos, mas sem dúvida os blogs têm um start muito mais completo. Além de ser a melhor opção para o trabalho de SEO, em busca do melhor ranqueamento no Google. 

Mais do que uma tendência, ter um blog já se transformou em um pré-requisito para gerar visibilidade online, contato direto com o público-alvo e transparência. Conteúdos adequados à persona e feitos com qualidade podem gerar engajamento da sua audiência até se tornar referência não só a ela, mas também no mercado. Afinal, com o interesse da audiência, são múltiplas as possibilidades, entre elas a de tornar a marca uma autoridade no assunto. 

Mas, além do conteúdo, um blog precisa ter um design bem executado, que não se define apenas pela beleza, mas também por apresentar a informação de forma limpa, bem-disposta e que chame positivamente a atenção do usuário. A estrutura do blog nem sempre é vista por quem o utiliza, mas é de suma importância para desenvolvimento do SEO. 

Antes de escolher a plataforma onde será criado o blog, é necessário avaliar tudo o que ela tem a oferecer. A escolha do CMS (Content Management System), plataforma com ferramentas específicas para montar e manter um blog, não é uma decisão fácil, já que há vários modelos no mercado. O mais popular do mercado atualmente é o WordPress, que desponta na frente de gigantes como o Blogger do Google, Django e Drupal. 


Passo a passo para criar um blog no WordPress

Não é à toa que o WordPress se destaca, já que ele dá um show com seu exclusivo código aberto e suas ferramentas diferenciadas. A grande variedade de plugins, a transparência em oferecer soluções técnicas e a possibilidade de criar qualquer negócio digital como blog, sites e e-commerce tornam a experiência da criação bastante completa. 

Há duas versões do WordPress. A primeira é a WordPress.org, uma plataforma de gerenciamento de conteúdo, sem custo e que pode ser baixada em download por meio do site. Ela oferece total liberdade de criação, onde é possível instalar plugins e temas, para deixar o blog com um visual de acordo com o interesse da marca. Porém, é preciso ter um mínimo de conhecimento técnico para fazer as alterações, já que não há funções intuitivas e tão simples. 

Já o WordPress.com é um servidor feito a partir de uma versão da WordPress.org. Embora essa plataforma tenha limitações e não seja possível fazer muitas alterações na estrutura do blog, é bem mais fácil para utilizar os plugins e temas disponíveis, sem a necessidade de conhecimento técnico. A criação do blog é gratuita, mas para usar a maior parte dos recursos é preciso escolher um plano pago. 

A instalação é rápida, mas há outras etapas que precisam ser exploradas antes de iniciadas, já que o WordPress pode ser bem complexo. São sete passos antes de ter o blog pronto: definir o domínio, escolher a hospedagem, baixar o WordPress, descompactá-lo do servidor, criar banco de dados, editar as configurações e publicar os conteúdos. 

Antes de iniciar a instalação e preparação do blog pelo WordPress, é preciso ter um plano de hospedagem. Caso já tenha um site, pode utilizar a hospedagem dele, desde que tenha servidor Linux, PHP 7 ou mais atual MySQL 5.6. O endereço do blog será atrelado ao site, caso já tenha, ou você pode registrar um domínio diferente se não houver compatibilidade com o WordPress. 

A hospedagem pode ser compartilhada, utilizando um mesmo servidor para abrigar vários sites ao mesmo tempo e podendo, assim, ter um valor mais baixo, porém menor velocidade. A hospedagem dedicada tem um servidor exclusivo disponível, com um custo mais elevado, mas um alto desempenho. Há ainda a hospedagem VPS (Virtual Private Server), que oferece o compartilhamento de um servidor, o que a torna um pouco mais lenta, mas nem tanto quanto a compartilhada. 

A escolha do domínio requer atenção, já que será o endereço que levará o usuário a se conectar com a marca. Eles podem ter sufixos mais populares como .com, .com.br e .net, ou vinculados a especializações, como .adv.br, gov.br e edu.br. Há a possibilidade de adquirir sufixos personalizados e dependerá da necessidade de referência adotada pelo marketing. 

Em seguida, é necessário fazer o download do WordPress, que apresenta uma versão em português. Alguns arquivos devem ser descompactados para que comecem a funcionar, assim como criar um banco de dados e usuário. Após finalizada a instalação, é só personalizar o blog e começar a inserir os conteúdos. 

O painel do WordPress para personalizar o blog apresenta muitas ferramentas e funcionalidades. No painel, há uma visão geral da plataforma, incluindo as atividades mais recentes. Os posts são os locais para publicação dos conteúdos, das tags e das categorias, assim como o gerenciamento de mídias onde estarão disponíveis as fotos e vídeos. No item Páginas, é possível criar e editar sua aparência para cada postagem, assim como gerenciar comentários, escolher temas em aparência e usufruir da gigantesca biblioteca de plugins. 

O WordPress tem muitas possibilidades para criar um design exclusivo e com a identidade da empresa. Com disposição para vários tipos de mídias e publicações em HTML, os resultados podem ser surpreendentes e apresentar um blog profissional e de alta qualidade para o seu público-alvo. 

O WordPress é a plataforma mais popular para criar e gerenciar blogs. O espaço tem inúmeras funcionalidades que permitem personalizar e tornar seu blog impactante e tão interessante quanto o conteúdo criado. 

Essencial para o Inbound Marketing, o blog corporativo pode apresentar resultados surpreendentes para a empresa, aumentando o tráfego, gerando leads e criando relevância diante da concorrência. Tão importante quanto manter o blog ativo é priorizar a qualidade dos conteúdos nele compartilhados. E nisso a RedaWeb, agência especializada em produção de conteúdo, pode te ajudar. Entre em contato pelo site ou ligue para 0800 750 5564 para saber mais sobre os planos!