campanha de sucesso no Adwords
Atrair clientes é objetivo de qualquer campanha. E na internet essa busca é bem diferente. Enquanto a concorrência é grande, as oportunidades e as ferramentas nunca foram tão poderosas.

O Adwords é um exemplo disso. Esse sistema, importantíssimo para o sucesso das ações de marketing de uma agência ou empresa, é um serviço de plataforma de publicidade oferecido pelo Google, em que os anúncios são exibidos na forma de links patrocinados, no topo da página, no momento em que o usuário faz uma pesquisa.

Mas antes de ver como criar uma campanha de sucesso no Adwords, vamos lembrar rapidamente como ele funciona e alguns de seus benefícios. 

Como funciona o Adwords?


A ideia principal é entregar um anúncio que corresponda ao que foi pesquisado, e como o usuário já mostrou interesse no assunto, a chance de interação é ainda maior. Essa é a Rede de Pesquisa, mas não é a única forma de exibir os anúncios. Banners, vídeos e outras formas de exibir o conteúdo em sites parceiros também são parte do sistema, e compõem a Rede de Display.

Essas redes geram diversos bons motivos para anunciar no Adwords. O maior deles é o potencial. O Google é o maior buscador do mundo e é capaz de alcançar muitas pessoas. Além disso, é uma ferramenta completa e versátil, que permite grande segmentação e uma facilidade enorme no controle de investimento. 

Para ser visto nesse sistema é preciso garantir uma boa posição através do leilão. Este é feito em cima das palavras-chaves pesquisadas e não é composto só pelo valor financeiro, que é apenas uma parte. O custo por clique é o valor máximo que será pago ao Google por cada interação com o anúncio. 

Porém, tão ou mais importante que ele é o índice de qualidade. É este que faz com que o Adwords se torne mais justo e eficiente. Ele mede o quão bom é o seu anúncio, a partir de fatores como as landing pages, as taxas de clique e a relevância.  

Vamos ver agora, como criar uma campanha de sucesso no Adwords. 

Criando uma campanha de sucesso


O Adwords é um sistema interessante, que é ao mesmo tempo completo e intuitivo. 

Mas antes mesmo de começar ele pode ser usado como uma ferramenta de pesquisa. Use palavras chaves de seu segmento e analise os primeiros anúncios que aparecem. Entenda o que seus concorrentes fazem de certo e procure maneiras que eles podem melhorar para aplicar no seu negócio. 

Após isso, o primeiro passo é a criação e a configuração da conta. O ideal é ter um usuário específico para esse tipo de controle, de modo a facilitar a gestão. E para ajudar ainda mais, o próprio Google oferece bastante suporte, seja através de tutoriais ou até mesmo um número de telefone gratuito.

A partir daí, com a conta pronta, é hora de iniciar a campanha. É aconselhável que cada campanha seja gerenciada por apenas um grupo de anúncios, que contém as palavras chaves e os anúncios em si, mas isso não é uma regra. Usar múltiplos grupos, especialmente no início, ajuda a testar opções diferentes e, graças à capacidade de mensuração de resultados, entender o que funciona melhor para você.

Ao criar uma campanha é preciso escolher se os anúncios farão parte da Rede de Pesquisa, Rede de Display, ou ambas. O Display oferece mais exposição, mas sem perder a segmentação, já que anúncios podem ser exibidos em sites específicos.

O Adwords oferece diversas opções para facilitar o seu uso. Vamos ver rapidamente algumas delas: 

1 - Dispositivos: É preciso definir os dispositivos em que serão exibidas as campanhas, e os aparelhos móveis não podem ser deixados de lado, pois são responsáveis por grande parte do tráfego.

2 - Local: Esse recurso permite incluir ou excluir certas localizações geográficas, como cidades ou estados. 

3 - Extensões opcionais: Normalmente feitas sem custo extra, permitem que o anunciante coloque informações como endereço ou número de telefone para agilizar o contato.

Em seguida, é hora de configurar o lance, um dos aspectos mais importantes da sua campanha. O pagamento pode ser feito basicamente por três maneiras: o custo por clique, o mais básico; o custo por mil impressões, sendo que uma impressão é cada vez que o anúncio foi exibido; e o custo por conversão. 

O lance é o valor máximo a ser pago por anúncio conforme a escolha definida acima. Ele é importante, pois faz parte do orçamento mensal e diário. E ao se esgotar o orçamento diário, o Google não exibe mais o seu anúncio até o dia seguinte. Para avaliar o orçamento é preciso em primeiro lugar, entender a verba disponível e alinhá-la com os objetivos da campanha. 

O anúncio


A próxima etapa, também fundamental, é o anúncio em si. E o primeiro aspecto a ser considerado é a escolha das palavras-chaves. Termos muito abrangentes podem significar mais tráfego, mas talvez uma taxa de conversão menor e mais concorrência. Por outro lado, termos mais específicos significam um menor tráfego, mas uma taxa de conversão possivelmente maior, pois quanto mais específico maior é a oportunidade de encontrar o nicho correto. 

Por exemplo, a palavra-chave “carro” abrange muitas opções. Mas o termo “carro para alugar” enquanto encontra bem menos resposta, torna muito mais clara a interação com o público específico, diminuindo a concorrência.

Não existe regra, pois cada campanha varia de acordo com seu negócio e seu objetivo, mas de maneira geral, o ideal é ser sempre o mais específico possível, para se aproximar mais do seu público. Você quer que cada interação tenha uma chance alta de conversão.

Já quanto ao conteúdo do anúncio, é preciso trabalhar as técnicas para chamar atenção com poucas palavras, por volta de 30. Abordagens clássicas como ofertas, promoções e chamadas para ação costumam funcionar, mas sempre tomando cuidado para não descumprir promessas, pois pode afetar o Índice de qualidade.

Vale destacar também, que o Google é bem vigilante em relação a problemas nos seus anúncios. Evite ao máximo usar conteúdos parecidos com de concorrentes e outras empresas e fique o mais longe possível de práticas que podem ser consideradas duvidosas. 

Mas não é só escrever e publicar que o trabalho está feito. Pelo contrário. Outra grande vantagem do Adwords é a possibilidade de acompanhar o desempenho através de diversas métricas. O sistema exibe gráficos e tabelas que deixam clara a performance das palavras-chaves. Sendo assim, é possível sempre reavaliar e melhorar os anúncios. 

Isso é necessário porque o mercado está em constante movimento. Anúncios podem ficar ultrapassados, concorrentes podem ter um desempenho acima do esperado, entre outros.

E para ajudar a criar o conteúdo ideal e ter uma campanha no Adwords com sucesso ainda maior, entre em contato com a RedaWeb pelo telefone 0800 750 5564.