Descrição Para que o site de uma marca seja funcional, basta converter visitas em Leads e diminuir a taxa de rejeição das páginas. Posto dessa forma, essas parecem atividades relativamente simples. Mas conseguir trazer novos clientes para a sua empresa através de uma página na internet não tem nada de fácil. Não basta apresentar um site que agregue valor, é preciso também estudar o comportamento do seu visitante a fundo. De outra forma não será possível saber se a sua página é realmente funcional. É com esse fim que existem os Testes A/B.

Primeiro, vamos definir o que são os Testes A/B, para o caso de você ainda alimentar alguma dúvida com relação ao que exatamente é essa prática. O conceito lida basicamente com a comparação de dois modelos diferentes para uma mesma página do seu site. Dentre essas duas opções você deve descobrir aquela que apresenta o melhor desempenho para o objetivo tratado. Se a função é converter, você irá comparar as taxas de conversão apresentadas por cada um dos exemplos. Tenha em mente que praticamente qualquer elemento das suas páginas pode ser analisado através dessa técnica.

As razões para adotar um teste A/B são simples. Afinal, essa ferramenta vai permitir que você aumente as suas conversões. Uma mudança de palavra ou layout pode fazer toda a diferença. O resultado pode ser uma conversão, que de outra forma só poderia ser alcançada através de anúncios pagos. Portanto, além de uma otimização da sua página, os testes A/B ainda podem concorrer para uma economia nas suas práticas de Marketing Digital.

Duas ferramentas que podem ajudar nesse aspecto são os analytics e os heatmaps. O sistema de monitoramento de tráfego do Google é bem conhecido por quem possui uma página na internet. A esse serviço podem-se ainda encontrar atreladas outras formas de análise de conteúdo na web. Heatmaps, ou mapas de calor, por sua vez são representações visuais que vão mostrar os pontos altos de interação do seu site. Com essa técnica desenvolvida nos anos 90, você pode posicionar os conteúdos das suas páginas de forma estratégica. 

Você sabia, por exemplo, que 80% do tempo que um internauta passa em uma página está dedicado a parte superior da tela? Isso significa que a parte inferior do seu site recebe apenas 20% da atenção dessas pessoas. As ferramentas citadas podem te mostrar esse fator. Podem inclusive exibir as diferenças de comportamento entre visitantes de desktop e mobile. Logo, os mapas de calor vão ser uma ferramenta muito útil para análise e melhoria de páginas. Assim com os analytics vão permitir a descoberta da taxa de conversões, dados de tráfego, além de links e páginas mais visitadas.

Ter um site que chame a atenção do visitante e que não apresente uma alta taxa de rejeição é o objetivo de qualquer serviço presente na internet. Mas é preciso uma boa análise de dados para chegar a esse fim. Quer saber como as duas ferramentas mencionadas podem ajudar na otimização do seu Website? Então confira abaixo algumas dicas para melhorar o seu site a partir de testes A/B com analytics e heatmaps.


Avalie seus links e o índice de distração 



Nem sempre os links da sua página serão os elementos mais clicados. Através dos heatmaps você deve ficar de olho no comportamento dos seus visitantes. Seus links devem estar nos locais que concentram a maior quantidade de cliques. Para lidar com a distração do visitante, analise os dados de movimentação. Um cursor espalhado por toda a página indica que há muitos elementos de distração em seu site. Ou pode indicar que não há suficiente destaque nos pontos que merecem atenção.

Redesenhe o seu conteúdo e destaque mais o CTA. Em alguns casos pode ser que uma ação como um pop up estimule o visitante a realizar a ação desejada. Efeitos de sanfona ou âncoras também vão ajudar nessa tarefa. O importante é captar a atenção do seu visitante e direcioná-lo para os links corretos da sua página.


Descubra quanto da sua página está sendo vista


Como já foi dito, a porção superior do seu site costuma ser aquela que receberá maior atenção do usuário. Isso é o que chamamos de primeira dobra. Muitos visitantes sequer sabem que há mais informação na segunda dobra. A maior razão para que isto aconteça são as quebras de linha ou blocos de cor que fazem o visitante acreditar que está no final da página. Esses fundos falsos são um problema de design.

Revise, portanto, elementos que podem confundir o seu visitante. Se necessário, recorra a indicativos visuais, como setas, para guiar o usuário até o fim da página. Links âncora também podem ser inseridos nas partes mais visualizadas para levar essas pessoas até os pontos menos vistos. Um pequeno índice, por exemplo, que leve o público a diferentes “alturas” da sua página pode ser bastante funcional.


Saiba se alguma informação está faltando 


Se ao analisar os seus heatmaps você identificar uma grande densidade de movimentos e cliques concentrados em uma pequena área, isso pode ser um sinal de alerta. Outro problema: concentração de atividade na barra de rolagem. E sem que haja ação na parte inferior da sua página. Esse também será um sinal de que alguma informação está faltando. Ofereça suficiente informação e com posicionamento nos locais corretos. Lembre-se que essas são ações necessárias para engajar seus visitantes.

Na dúvida, dedique um espaço nas áreas mais visitadas da sua página para incluir maiores informações. Ou então substitua as áreas com pouco engajamento por sessões com esse objetivo. Lembre-se de que conteúdo é o seu diferencial na internet. Descubra o que resulta na melhor performance para a sua página. É justamente para isso que existem os testes A/B


Faça testes simultâneos 


Através do Analytics você pode fazer testes simultâneos. É possível direcionar metade dos seus clientes para a página A e a outra metade para a página B. Definida a ação que deverá acontecer nesse caso, você pode avaliar qual das alternativas rende o melhor tráfego e a maior quantidade de conversões. Apenas cuidado para não aplicar o teste nas páginas do seu site que já são bem movimentadas. Para a sua segurança prefira dividir em 90/10 ou 70/30 o redirecionamento do teste.


De olho no engajamento


Esse é provavelmente o aspecto mais importante a ser analisado com essas técnicas cruzadas de Testes A/B. Afinal, é com o conteúdo relevante da sua página que o visitante está se engajando? Se a resposta for negativa, então suas taxas de conversão estão sofrendo com a pouca funcionalidade do seu site. 

Descubra se os elementos de menor importância na sua página não estão criando um efeito dispersivo. Analise se os conteúdos relevantes estão bem posicionados e se recebem destaque por meio de design e cores. Perguntar diretamente aos seus visitantes também pode ser uma alternativa para diagnosticar os problemas de conversão do seu site.

Conclusão


Estudar o comportamento dos seus visitantes é o que vai permitir que o seu site se adeque às necessidades do cliente. Faça quantos testes forem necessários para atingir uma versão otimizada da sua página. Então invista em conteúdo de qualidade e sua estratégia digital estará completa. Mantenha a sua presença online como um exemplo constante de evolução.

Quer investir na produção de conteúdo para aproveitar o resultado das suas análises da melhor forma? Então assine um plano de produção de conteúdo com a RedaWeb. Nós possuímos jornalistas, editores e revisores especialistas em marketing de conteúdo. Melhore ainda hoje a visibilidade da sua página. Acesse nosso site ou ligue 0800 750 5564 para assinaturas e mais informações.