Links Patrocinados: uma forma de conquistar mais alunos

Seja uma escola, universidade ou plataforma de ensino, o objetivo das instituições voltadas à educação é apenas uma: aumentar o número de estudantes. Por isso, é indispensável que, no ambiente digital, sua organização entenda porque os links patrocinados são uma forma de conquistar mais alunos, sendo um dos melhores nesse ambiente.

Diferente de anos anteriores, nos quais era possível prospectar estudantes através de campanhas offline, atualmente, unir o marketing digital à sua instituição se tornou um diferencial competitivo. Pensando nisso, trazemos um artigo completo apontando como essa forma de conquistar mais alunos com links patrocinados pode ser aplicada nas organizações educacionais.


Entendendo os links patrocinados

Brevemente, iremos abordar o que são links patrocinados. Em resumo, é a divulgação da sua marca - como as instituições de ensino e outras empresas - no ambiente digital através dos buscadores, como o Google. É uma forma de publicidade online em que você irá patrocinar links para angariar um público-alvo definido a partir de termos específicos.

Eles serão posicionados estrategicamente no topo dos buscadores - principalmente do Google, que abarca mais de 90% das pesquisas - cada vez que alguém digitar uma palavra-chave que você adquira para patrocinar. Ou seja: se sua instituição deseja apresentar um curso específico, as pessoas encontrarão seus links patrocinados toda vez que o jogarem no Google, por exemplo.


Como isso traz mais alunos?

Passando do entendimento sobre links patrocinados, iremos abordar porque essa é uma das formas mais contundentes (ou a mais, em determinados casos) de conquistar alunos para a sua instituição de ensino. Dessa forma, há várias técnicas e estratégias que possibilitam isso, mas o resultado abarca alguns pontos. São eles:

  1. Divulgação da própria instituição de ensino. Aumenta-se a exposição da marca e, consequentemente, gera-se mais links orgânicos. Isso permite que, ao patrocinar a sua organização educacional, mais pessoas compartilhem (sem você gastar mais por isso) dentro da própria internet;
  2. Atração do público-alvo. Como as pessoas têm interesses diferentes, principalmente quando falamos de cursos ou módulos educacionais, a sua instituição de ensino pode definir qual é o perfil das pessoas que os links patrocinados serão direcionados, recebendo mais cliques e visitas;
  3. Definição de palavras-chaves. É através delas que as pessoas procuram os melhores cursos - ou até mesmo conteúdos sobre eles. Saber quais definir, através do Google Adwords, para citar a plataforma mais utilizada, permite definir a melhor estratégia para preencher as vagas que deseja a partir do interesse do público.
  4. Você estará no topo. Diferente das técnicas de SEO (Search Engine Optimization, ou otimização das ferramentas de busca), que visam posicionar o site sem pagar pela palavra-chave, o seu link patrocinado estará no topo de buscas do Google, tornando-o um dos mais acessados dentro da pesquisa.


Técnicas, estratégias e aplicações

Como dito anteriormente, é preciso focar em técnicas e estratégias para que os links patrocinados sejam potencializados em relação ao investimento que é feito. Por isso, é indispensável entender como são suas aplicações no ambiente digital e como proceder - principalmente quando falamos de instituições de ensino.

Isso porque não basta apenas oferecer o curso ou a vaga da sua escola, universidade ou plataforma de ensino: é preciso proporcionar uma experiência, ofertar um conteúdo que leve o futuro aluno a optar por sua instituição de ensino. Para isso, atente-se aos seguintes pontos:

  • O marketing de conteúdo (produção de artigos, e-books, vídeos, infográficos, entre outros) é indispensável para que a pessoa, de início, entenda seu site/instituição como referência no ensino;
  • É preciso que as chamadas sejam mais educativas e menos comerciais. O objetivo, aqui, ainda não é vender, mas sim transformar o internauta em potencial aluno, o que é conhecido como prospecção;
  • O link patrocinado deverá sempre estar relacionado com a palavra-chave. E a escolha da palavra-chave é o limiar entre campanhas de sucesso e aquelas que não prospectam nenhum aluno;
  • Generalismos e tecnicismo podem ser um problema. Por exemplo: sua chamada e link sobre um curso de Medicina não pode falar de maneira genérica sobre um procedimento, bem como precisa evitar ter uma linguagem inacessível à maioria do público;
  • É preciso testar para saber qual é o comportamento do público. Muitas vezes, alterar a campanha está mais no direcionamento do seu conteúdo do que em abandonar tudo e recomeçar novamente.


Sua instituição de ensino no topo

Para entender melhor como os links patrocinados são uma forma de conquistar mais alunos, é possível encontrar profissionais e agências habilitados no marketing digital que orientam as ações. Com a experiência e o know-how do portfólio de clientes abrangendo outras instituições de ensino, fica mais fácil angariar os mais variados estudantes.

Isso porque, apenas considerando o dado da consultoria educacional Hoper, o mercado de mensalidades da educação básica se aproxima de R$ 60 bilhões. E muito dessa fatia se encontra, atualmente, no ambiente digital: pais, jovens que saíram do Ensino Médio e profissionais que buscam especialização têm, em poucos cliques, uma infinidade de opções.

Dessa forma, ao consultar um curso - com os dados demográficos, faixa etária, especificidades e outras características - a pessoa pode cair, já no primeiro link patrocinado, na sua instituição de ensino. Mas, isso não quer dizer que ele fará a inscrição: você precisa levá-lo a tomar essa decisão. Por isso, como dito acima, é preciso:

  • Iniciar estratégias através de profissionais e agências habilitados;
  • Realizar testes e acompanhar os resultados;
  • Oferecer conteúdo de qualidade;
  • Tornar a sua plataforma digital, mesmo que não ofereça cursos online, uma referência no assunto proposto.

Em resumo: apostar no marketing de conteúdo, com técnicas específicas de inbound marketing (que é fazer o usuário se relacionar com a sua organização) e SEO, pode potencializar seus links patrocinados. Ao acompanhar o processo de uma agência ou profissional habilitado, em pouco tempo, os resultados aparecem - e irão te surpreender.


Conclusão

Os links patrocinados, como forma de conquistar mais alunos, deixaram de ser uma opção e, nos dias atuais, tornaram-se necessidade para as instituições de ensino. Não à toa, as maiores organizações no segmento educacional já contam com estratégias para atrair o público-alvo através das técnicas e acompanhamento profissional listado acima.

Delegar ou ignorar que isso pode ser o diferencial para trazer mais estudantes para os cursos, módulos e plataformas de ensino é se posicionar atrás da concorrência. Os links patrocinados são a forma mais rápida e eficiente de estar no topo dos buscadores sem todo o tempo que o SEO necessita - apesar de ser outra estratégia que você deve adotar.

Acesse o site da RedaWeb ou ligue para o 0800 750 5564 e conheça como nossos profissionais e planos de produção de conteúdos podem ser um diferencial para que você atraia ainda mais alunos para a sua instituição de ensino.