Tutorial completo para montar um planejamento estratégico digital

O planejamento estratégico digital se tornou uma ferramenta indispensável para a marca que deseja crescer de forma racional, fundamentada e com agilidade no ambiente da web. 

Essa ferramenta garante que ela defina e visualize as ações que precisa empreender para conseguir o que deseja em médio, curto ou longo prazo. Além disso, possibilita que realize ajustes no meio do caminho, buscando com isso o alcance daquilo que se propôs a conquistar. 

Então, ciente da importância dessa tecnologia para o seu empreendimento online, resolvemos apresentar um tutorial completo que pode lhe ajudar a montar um planejamento estratégico digital. Confira todo o processo a seguir, mas não se esqueça de pegar um lápis e um caderno antes para anotar tudo, combinado? 


1. Faça uma análise Swot

Para criar os objetivos, é fundamental que realize uma análise Swot, buscando identificar os pontos fortes e fracos de sua empresa no ambiente digital. Nesse momento, deve-se colocar em prática a criticidade, de modo que possa encontrar os problemas que precisam de soluções. 

A análise Swot é um importante instrumento de identificação de problemas que, às vezes, não notamos. Considere os pontos fracos e fortes (internamente), bem como as ameaças e as oportunidades (externamente) de sua empresa. É com base nesse rico material que fundamentará seu planejamento digital. 

O perfil de sua empresa no Facebook ou Instagram costuma ser alimentado com conteúdos de qualidade, relevantes e capazes de atrair os seus públicos? Fazer-se esse tipo de pergunta e outras pode ajudar nesse processo. 

O ideal é que a equipe responsável pelo setor de marketing digital faça parte da reunião de análise Swot, pois ela, mais do que ninguém, entende as limitações que enfrenta e os problemas que precisam de resoluções. 

Nessa etapa, envolva os membros da equipe e faça com que falem, pois isso pode ajudar a sua empresa a traçar e a conseguir conquistar os seus objetivos de forma mais ágil, considerando a realidade de seu negócio. 

 

2. Pense em objetivos claros, precisos e viáveis

Realizada a análise Swot, você certamente terá informações o suficiente para pensar em objetivos claros, precisos e viáveis, ou seja, dentro da realidade de sua empresa. 

Nesse momento, elabore objetivos que dialoguem diretamente com os pontos fracos e fortes que identificou, bem como com as suas oportunidades e ameaças. 

Para que visualize melhor, confira alguns exemplos abaixo: 


Pontos fracos 

  • Não possui um calendário editorial. 

Nesse caso, basta elaborar um objetivo que faça a sua empresa publicar conteúdos obedecendo a um calendário editorial, que forneça datas culturais importantes, tanto para os clientes como para o seu negócio. 

Isso pode não só garantir maior organização, como também que a sua marca aumente a sua autoridade na web. 

É um objetivo claro, viável e preciso, capaz de ser alcançado, desde que esteja dentro do planejamento traçado. 

Pontos fortes 

  • Possui um site que oferece uma boa experiência aos usuários. 

Ainda que se trate de um ponto forte, é fundamental que persista em melhorar ainda mais a experiência dos usuários em seu site, pois assim pode ganhar diferencial competitivo e, consequentemente, o aumento das vendas. 

Ameaças

  • Atualizações constantes do Google que podem prejudicar o ranqueamento do site nos sistemas orgânicos de buscas. 

As ameaças são fatores externos que a empresa não pode controlar, mas que é capaz de criar ações visando transformá-las em oportunidades. 

Por exemplo, se essa questão é um problema que pode afetar o desenvolvimento do planejamento da empresa, por que não ficar de olho no Google para tomar decisões rápidas, antes mesmo da concorrência? Essa é uma filosofia que deve fazer parte de seu plano digital para que assim ele não seja ameaçado. 

Oportunidades 

  • Crescimento da procura por conteúdos.

Diante de sua análise, digamos que você percebeu que houve um crescimento pela procura de conteúdos relacionados aos serviços e produtos que oferta. Por que então não aproveitar essa oportunidade para dar o que os clientes desejam? 

Você pode transformar isso em um objetivo e, assim, fazer a sua marca conseguir alcançar o que deseja de forma mais ágil.

É ideal que determine o tempo de alcance dos objetivos. Isso facilita o acompanhamento dos resultados e pode colaborar para a implementação de melhorias. 


3. Estude o seu público e estabeleça canais de comunicação

Talvez você já até saiba quem é o seu público alvo, mas caso não saiba, é fundamental que estude seu perfil. Essa etapa pode ser desenvolvida enquanto traça seus objetivos. 

Na verdade, é ideal que isso aconteça desse modo, pois assim você pode construir objetivos que dialoguem com o perfil de seu público. Isso garante a construção de metas mais assertivas.  

Veja que, para traçar o perfil de seu público, é essencial que busque saber quem é ele, qual é a sua ocupação profissional, que idade possui, nível de escolaridade, onde mora, em qual canal de comunicação ele mais se faz presente (Facebook, Instagram, YouTube?), entre outros elementos que julgar necessário. 

É com base nesse conjunto de informações que poderá definir, por exemplo, a linguagem ideal, o tom e os canais de comunicação que precisa criar ou aperfeiçoar para colocar em execução o seu planejamento. 

Além dos canais de comunicação citados, é possível criar serviço de atendimento ao consumidor, utilizando para isso seu site, e-mail corporativo, telefone, etc. A criação desses instrumentos vai depender dos resultados da análise Swot. 


4. Execute o que foi planejado

Depois de traçar o planejamento digital bem direitinho, sabendo exatamente quais ferramentas utilizar para conseguir o que deseja, é hora de colocá-lo em prática. 

Nesse momento, todos da equipe de marketing digital devem entender perfeitamente o planejamento e a importância de seu papel para que as ações que nele foram elaboradas sejam executadas, no tempo proposto e no momento certo. 

Portanto, ele deve ser seguido à risca, salvo em caso de situações emergenciais. Nesse caso, deve ser flexibilizado. O importante é alcançar os objetivos da marca e, hoje, um planejamento engessado não contribui de maneira alguma para isso, pelo contrário, é um verdadeiro atraso. 


5. Controle e métricas

As ferramentas de controle devem ser estabelecidas, vale dizer, antes da execução do planejamento digital. O ideal é que se faça isso à medida que os objetivos forem sendo traçados, pois assim é possível se pensar em ferramentas e métricas que dialoguem diretamente com cada um ou com o conjunto deles. 

Hoje, existem tecnologias de automação de marketing digital que emitem relatórios integrados, ou seja, com os resultados das ações digitais que foram empreendidas em certo período, dentro do previsto no planejamento. Um exemplo é a Mautic. 

Para criar o planejamento estratégico digital não é preciso seguir, sequencialmente, as etapas traçadas neste texto. O ideal é que elas estejam presentes, apenas isso, pois assim colabora para a criação de um planejamento sólido, coerente e capaz de ser executado. 


Falando em planejamento digital, você sabe que a RedaWeb conteúdos? Se estiver precisando de textos para potencializar as suas ações em redes sociais, site ou blog, fale conosco, ligando para 0800 750 5564, ou visite nosso site para assinar um de nossos planos de produção!